Siga-me Siga-me
AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS VOCÊ ENCONTRA NO BLOG www.iporagoias.blogspot.com

16 de dez de 2009

MOTORISTA DO PREFEITO DE SÃO LUÍS AGRIDE CONTRIBUINTE E É ACUSADO DE AMEAÇAR JORNALISTA


Na manhã de segunda, 14, um fato lamentável aconteceu na porta da prefeitura de São Luís de Montes Belos. Ao chegar ao local para pagar alguns impostos, o pequeno empresário, Vicente Gonçalves, mais conhecido por “Kabedala”, teve uma recepção inesperada. Ele teria sido recebido pelo motorista do prefeito, Sandoval da Matta, a socos e pontapés.
Vicente afirma que o motorista, Catarino Pereira de Almeida (foto no detalhe), quando o viu foi logo lhe cobrando explicações sobre uma suposta crítica que ele havia feito contra ele numa emissora de rádio da cidade. “Sem mais e sem menos, ele partiu pra cima de mim e me agrediu com vários murros no meu rosto. O ex-presidente da Câmara, Divino Oliveira e o Paulinho Mosquitão, viram tudo”, conta Kabedala.

Vicente Kabedala foi orientado pela Polícia Militar a ir ao Hospital Municipal para fazer exame de corpo de delito e, em seguida à delegacia, onde ele foi e registrou uma queixa formal contra o seu agressor. Vicente também deu uma entrevista à Rádio Vale da Serra onde relatou o ocorrido. Além de contar em detalhes à agressão que sofreu, segundo ele, de forma covarde, Kabedala também fez uma grave revelação. Ele afirmou que a próxima vítima do agressor será o jornalista Edivaldo do Jornal.

Kabedala conta que Catarino, meses atrás, pediu a ele que levasse um recado ao jornalista Edivaldo, dizendo que ele iria pega-lo e se o prefeito o autorizasse, ele também iria contratar alguém, próximo de Brasília para matar o jornalista. “Isso só porque o Edivaldo mostra com transparência, no seu jornal, as coisas erradas que acontecem nesta administração”, disse Vicente.

Catarino tem outra passagem pela justiça. Ele já respondeu a uma ação criminal, promovida pelo Ministério Público, da comarca de Águas Lindas de Goiás, também por lesão corporal.

A  reportagem do Jornal A Voz do Povo tentou falar com Catarino Pereira, pelo telefone da prefeitura, mas até o fechamento desta matéria não houve retorno.

Link Curto:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
POR: Blog Iporá