Siga-me Siga-me
AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS VOCÊ ENCONTRA NO BLOG www.iporagoias.blogspot.com

28 de jan de 2010

IDOSO DE 81 ANOS É PRESO ACUSADO DE ESTUPRAR CRIANÇA EM IVOLANDIA


A Polícia Militar de Ivolândia prendeu em flagrante, no início da tarde de hoje, 26, o aposentado Cícero Pedro de Aquino, de 81 anos, acusado de estuprar uma menina de apenas seis anos. O ancião foi flagrado pela tia da vítima, com a calça arreada, em cima da garotinha, na cama da sua própria mãe.
Desesperada com cena, a tia, que pede para não ser identificada, saiu gritando e chamando a polícia. Os policiais militares, soldado Abílio e o cabo Hamilton, chegaram imediatamente ao local e prenderam em flagrante o acusado, que estava prestes a se embrenhar pelo mato e portando uma arma branca.

Não esboçando nenhuma reação, o aposentado confessou aos policiais que realmente havia cometido um erro grave. Na delegacia, a reportagem do jornal A Voz do Povo, o acusado tentou passar outra versão dos fatos. No entanto, quando viu que a outra história não estava colando, aos poucos ele foi recuperando a memória e admitiu ser verdade o relato dos policiais e da tia da vítima.

Segundo o delegado, de São Luís, Rodrigo Arana Vargas, que lavrou o flagrante de prisão, pelo fato de a vítima ser menor de 14 anos, o acusado poderá ser indiciado com base no Artigo 217-A, que prevê o crime estupro de vulnerável e, se for condenado, poderá receber uma pena de 8 a 15 anos de prisão. Após prestar depoimento e de se abster do direito de comunicar um familiar ou conhecido de sua prisão, o acusado foi encaminhado ao presídio local, onde ficará à disposição do poder judiciário.

De acordo com os militares, o acusado vive há vários anos no município de Ivolândia. Segundo a tia da vítima, ele era bem quisto pela população e gozava de muita confiança e respeito. “Jamais pensávamos que ele poderia fazer esse tipo de coisa. Ele freqüentava a nossa casa há muitos anos e nunca desconfiamos dele. Estamos muito tristes”, lamentou.

Na entrevista, a conversa foi gravada e o acusado foi fotografado com a expressa autorização dele. Entre outras coisas, Cícero se diz arrependido e por várias vezes ele lamenta não ter tido a oportunidade de dar cabo à vida, em função do erro que cometera. Ele, que veio do Rio Grande do Norte há vários anos para Goiás, conta que nunca teve passagens pela polícia.

Link Curto:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
POR: Blog Iporá